•  
 
 
 
 
As novas doutoras de Mirassol
TERÇA-FEIRA, 11 DE OUTUBRO DE 2011
 
 

De uma só vez, a cidade de Mirassol ganhou seis novos advogados. Destes, três compareceram à entrevista agendada com a equipe de reportagem do Grupo Educacional UNIESP – Natália Oliveira Tozo, Taísa da Silveira Pessoa e Patrícia Ângelo Carbonero.

 

“O exame foi muito, muito difícil, pois a prova é bastante complexa. O maior problema é a amplitude dos temas da carreira de Direito – mesmo após cinco anos de estudos, não se aprende tudo na faculdade. Além do mais, sempre surgem surpresas de última hora”, contou Natália, que se dedicará à área Penal.

 

Aliás, a polêmica sobre a manutenção ou a extinção do exame da Ordem dos Advogados do Brasil continua forte no Congresso Nacional. Porém, na opinião de Taísa, a prova nem deveria ser motivo de discussão. “Esta exigência é válida, é correta e é justa, sem dúvida alguma. Só assim teremos profissionais capacitados a atender a população”, afirma a jovem, que pretende se especializar em Direito Tributário.

 

O ótimo desempenho dos alunos que prestaram a OAB tem uma explicação bastante simples na opinião de Patrícia. “A FAIMI/UNIESP tem uma excelente biblioteca, professores altamente qualificados, o Núcleo de Práticas Jurídicas é essencial para nos dar noções práticas, etc. Acho que o conjunto de todos estes fatores, mais a dedicação dos estudantes, foi o que originou este sucesso”, comentou a nova doutora, que trabalhará na área trabalhista.



 
 
 
 
UNIESP Solidária Biblioteca/
Publicações
TV UNIESP Rádio UNIESP Inclusão
com Arte
Projeto Ambiental EAD Notícias Imprensa Trabalhe
Conosco